Quanto custa fazer intercâmbio na Irlanda?

Olhá só, já se foram 7 meses de blog, e um belo hiato sem publicação onde esse humilde relato de intercâmbio ficou às moscas. Por outro lado, já estamos com 28 posts, uma vitória para quem já abandonou meia dúzia de blogs antes da marca das 10 atualizações. YAY!

Aqui já registramos expectativas, notícias diversas, mais expectativas, registros dos nossos passos e algumas dicas, mas até agora nada muito concreto relacionado ao intercâmbio na Irlanda.

Como já relatamos por aqui, já fechamos o pacote com uma agência e reservamos nossos assentos com destino à terra dos Leprechauns. Assustadoramente, foi tudo muito rápido e indolor, na verdade doeu um pouco no bolso e no coração a maldita oscilação do dólar, mas no final deu tudo certo.

Então vem aquela pergunta que ninguém tem coragem de fazer, quanto custa? Acho que não é nenhum segredo isso, já que basta algumas ligações para que os valores abaixo apareçam. Mas antes de falarmos deles, vamos por partes e destrinchar os danados.

Escola: preço inversamente proporcional ao número de brasileiros

Ainda não estivemos lá para comprovar, mas basta ver as listas de discussão e os grupos no facebook para perceber que quanto mais em conta é a escola, maior a quantidade de brasileiros. Isso pode ser um problema para alguns, já que muitos vão sem saber nada de inglês e a convivência com os conterrâneos acaba minando as possibilidades de praticar o que se aprende em sala de aula.

A segunda etapa é descobrir a “qualidade” da escola, aqui se percebe que quanto mais puxada e especializada é a escola, maior o valor do curso. A princípio pensamos em estudar em uma escola mais puxada como a The English Academy ou até a Emerald Cultural Institute, o que nos desanimou e muito foi o preço, chegando a ser quase o dobro do valor praticado por escolas como a SEDA (Skills & Enterprise Development Academy) ou a NED (National Employee Development).

Optamos por confiar em nosso inglês intermediário para avançado e escolher uma escola mais em conta e correr atrás de praticar o idioma no dia a dia.

Seguro Saúde

Esse aqui é obrigatório para pisar no país como estudante e basicamente existem duas opções, o governamental ou o privado, nesse caso ele precisa ter uma cobertura no valor de 30.000 euros. O governamental cobre apenas a Irlanda, então caso queira viajar é importante contratar um seguro privado. Optamos pelos dois por segurança apesar de gastar um pouco mais.

Hospedagem

Assim que você chega em seu país de intercâmbio é importante ter onde ficar, caso sua estadia no país seja longa a primeira moradia costuma ser temporária até que se encontre um lugar definitivo. Dentre as opções mais comuns está a host family, ou casa de família e a residência estudantil.

No primeiro caso, você ficará na casa de uma família local e terá algumas mordomias como alimentação, roupa lavada e contato com residente, o que ajuda nos primeiros passos. Por outro lado é a opção de moradia mais cara e em muitos casos você não será o único na casa, tendo que lidar com a família e os outros intercâmbistas. Outro fator importante é que as casas ficam longe das escolas, então inclua aí os custos com transporte.

Já a residência estudantil não possui mordomias, conta com uma cozinha para preparo das refeições e fica próximo à escola, além de ter a diária mais barata.

Existe também uma opção mais em conta que é se hospedar em um albergue ou até opções mais caras como ficar em um hotel.

Passagem Aérea

Esse ponto vale um post a parte, mas por cima vale saber que o valor da passagem é diretamente afetado pelas oscilações do dólar, então fique de olho nas cotações antes de comprar. O valor médio acaba saíndo na faixa dos 1.000 dólares, o que fica em média 2.000 reais a ida e volta.

Informação importante, não vá pensando que passagem de estudante quer dizer meia. Aqui quem manda é a Cia Aérea e cada uma tem sua política em relação àos “pobres” estudantes, inclusive, a passagem de estudante costuma ser geralmente o preço praticado pelo site, sem desconto algum.

Para economizar na passagem existem 2 opções, a primeira é pra quem tem a agenda flexível para aproveitar as mega promoções que rolam por aí. A desvantagem é o alto custo de remarcação para a volta. A segunda opção é optar por cias mais baratas, mas aqui a econômia não é tão grande.

Fechamos com a KLM pelo custo benefício, ou seja, um bom serviço e escala em um país com a imigração tranquila. A vantagem da passagem de estudante deles é a validade, que ao invés de ter início no dia da compra, passa a valer a partir da data de embarque.

A grana inicial

Tudo o que foi comentado acima servem apenas para você colocar seus pés na Irlanda por um ano. Chegando lá existem os custos com alimentação, moradia, documentação e etc. Para isso o governo exige a quantia de 3.000 euros que vão segurar as pontas para uma pessoa por cerca de 5 meses.

Depois disso fica por sua conta para conseguir um emprego para continuar a vida e os estudos.

Orçamento do Intercâmbio na Irlanda para 1 ano

Então vamos finalmente aos valores, que hoje servem apenas como referência e podem ter variações conforme as moedas e promoções vigentes.

Descrição Empresa Valor
1 Ano Acadêmico
(6 Meses de Curso + 6 Meses de Férias)
15 horas Semanais
SEDA R$ 1800,00
Residência Estudantil
Compartilhado, Sem Refeições
02 Semanas
SEDA R$ 504,00
Taxa de Reserva de Acomodação Gotolondon R$ 48,00
Consultoria da Agência Gotolondon R$ 100,00
Seguro Governamental Gotolondon R$ 360,00
Seguro Viagem Privado
12 Mil US$, Bronze, Estudantil, 365 Dias
GTA R$ 658,00
Passagem Aérea
Estudante
KLM R$ 2270,60
3.000 Euros
Cotação de 1 euro a R$ 2.54
R$ 7.620,00
Total R$ 13.360,60

Outros blogs também divulgaram seus orçamentos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
01
dez 2011
POSTED BY
DISCUSSION 131 Comments

131 Responses to : Quanto custa fazer intercâmbio na Irlanda?

  1. Karina says:

    Eita, colocando na ponta do lápis dá um aperto no peito, dava pra ter dado entrada num apê perto da mamãe, mas eu prefiro estar aqui. O post ficou muito bom viu, bem explicadinho, quase desenhado hehe. Parabéns, venham logo!

    • Carla Marina says:

      Valeu Karina! Realmente se você ficar pensando muito pode ser que acabe desistindo, mas sabemos que valerá a pena! De qualquer forma, é legal ajudar as pessoas a se decidirem, mostrando na ponta do lápis os custos! Em breve estaremos aí!!!!

  2. Só recomendo homestay(Casa de familia) no primeiro mês, e para quem vai sozinho, pois isso te obriga a usar o inglês em diversas situações do dia-dia. Algumas escolas verificam se a familia não tem pessoas da mesma nacionalidade dentro de casa e pedem feedback do aluno.

    Meu homestay custou alto no Canadá, algo na faixa de $37 o dia, mas incluia 3 refeições e quarto exclusivo com TV. A familia me chamava bastante para eventos, me deram muitas dicas de onde ir e perguntavam bastante a respeito do Brasil. Isso tudo foi algo que me ajudou bastante com a timidez nos primeiros dias.

    No meu próximo intercambio, por economia e por já estar mais seguro, irei morar em alguma república.

    Abs.

    • Carla Marina says:

      Realmente há os pontos positivos da casa de família, valeu por compartilhar com a galera!

      • Álvaro says:

        Carla,

        Bruno falou sobre uma Residência de Estudante, em Dublin, que ficava a uns 50 minutos ds Escola, era legal, você recomenda?

        Escola de Inglês, quais as mais Recomendaveis e viaveis, na tua opinião?

        Agência de Intercâmbio que vocês Recomendam: STB,…

        Grato,

        Álvaro

  3. André says:

    Bacana demais ajudar o pessoal passando uma ideia real de quanto custa um sonho desses. Parabens pela iniciativa e pelo blog tambem.

    Olhando assim lembrei de quando estava também fazendo o orçamento e sempre via os números e ficava pensando se realmente valeria a pena. Digo que vale cada centavo, vou completar 9 meses em Dublin na semana e não tenho nada que reclamar. Um conselho que posso dar para os futuros intercambistas é que pesquisem a fundo sobre valores, tente contato direto com as escolas porque praticamente todas as taxas são eliminadas, opções de moradia econômica são passadas. Transfer podem ser concedido gratuitamente aos alunos enquanto algumas agências chegam a cobrar 150 euros pelo serviço. O grande problema é que depois que chegamos aqui em Dublin descobrimos que muita coisa foi cobrada bem acima do preço de mercado, bem aconteceu comigo também.

    Se alguém quiser tirar alguma dúvida fique a vontade pra entrar em contato.

    • Carla Marina says:

      Opa, valeu André! Legal também se colocar à disposição do pessoal para passar como foi o seu orçamento, pois sempre vai haver diferenças pelas escolhas que fazemos de fechar direto com a escola ou não, qual escola escolhemos etc. Abraços!

    • kleber says:

      ola! gostaria muito de fazer um intercambio mais não tenho nem noção de como começar as buscas e como faço, queria umas dicas.

      • Carla Marina says:

        Oi Kleber,
        Precisa antes de tudo definir: quanto tempo quer ficar, os lugares que têm em mente, se seu objetivo é só estudar ou é trabalhar também r quando quer fazer isso. Com estas informações, você vai poder começar a procurar na internet sobre o lugar específico onde deseja ir, encontrará blogs e sites diversos com várias informações, onde poderá ter uma idéia de quanto precisará de dinheiro, e a partir daí, é se planejar!
        Abs

    • Vanessa Leite says:

      Oi André, achei interessante o q você falou e
      Estou indo esse ano pra Dublin, mas me disseram q a agência está me cobrando um preço alto demais pra escola Erin q deixa muito a desejar. Me interessei pela Seda Colege, e uma amiga pediu pra eu entrar em contato direto com a escola. Só q o pessoal da agência disse q muita escola está fechando lá e se eu for pela agência e a escola fechar, eles se responsabilizam e me colocam em outra. O q você acha? Pode me ajudar? obrigada, Vanessa

  4. Marli says:

    O post ficou ótimo, eu também fechei com a gotolondon, mas ficou um pouco mais caro:(. Estou aguardando a carta de matricula para comprar a passagem aérea que também será pela KLM. A previsão de embarque é 06/03.

    • Carla Marina says:

      Legal Marli, iremos em épocas bem próximas e fizemos as mesmas escolhas! Poderemos compartilhar com você como será a nossa experiência de vôo com a KLM e de primeiro contato com a escola lá! Abraços!

  5. Tati says:

    É muito bom olhar para os orçamentos de outras pessoas, isso nos faz pensar no quanto gastamos, no quanto fomos taxados por algo desnecessário e em todo o resto pago.
    Eu só parei para fazer o balanço do meu intercâmbio 2x. Se eu fizesse isso sempre já teria tido um ataque do coração.

    Bjos

    • Carla Marina says:

      Hehehe, realmente o investimento é alto, mas sempre pensamos que se não formos, sabendo que temos condições de ir, ficaremos eternamente arrependidos! Bjos!

  6. Jamile says:

    Olá Bruno e Carla!
    Eu tb estou indo em 2012, como fechei td pela escola, deixei para comprar meu plano privado agora em Dezembro. Mas cotei hj no site da GTA e deu mais de mil reais. Como vcs compraram o de vcs? achei muito barato!
    Abraços.

    • Bruno Tarmann says:

      Olá Jamile!

      Vimos aqui e o valor estava errado, o valor correto do seguro GTA Stutent Bronze que fechamos foi de R$ 658,00. Esse valor é baseado no dólar, na época custou U$ 430,00, que hoje deve estar na faixa dos 770 reais.

      Abraço,

  7. Maysol says:

    Muito boas as informações, pretendo fazer um intercâmbio e amo a Irlanda, então essas dicas são preciosas para quem pretende se organizar para realizar um intercâmbio. Apesar do custo é um investimento que vale a pena, tanto profissionalmente quanto em experiência em outros países com novos culturas. Tudo de bom

    • Carla Marina says:

      Obrigada por acompanhar nosso blog, esperamos colocar muitas outras dicas por aqui, mas certamente os custos são a primeira coisa que queremos saber quando pretendemos fazer intercâmbio, né?! Tomara que não desista da idéia, recomendo que vá ao e-Dublin encontro, que vai acontecer dia 15 de fevereiro em Pinheiros (se você for de SP), para sentir um pouco o clima de que está para ir e quem já foi e bater um papo com a galera! Continue acompanhando o nosso blog! Abraços!

  8. Roberto Carneiro Filho says:

    Oi. Estou embarcando para Dublin em agosto de 2012, comprei o curso da SEDA, passagem aérea da KLM e ficarei hospedado em residência estudantil. Adquiri apenas o seguro-saúde governamental. Será que terei algum problema se embarcar sem o seguro-saúde privado? Conseguirei o visto irlandês e conseguirei entrar em outros países da Europa ou não?

    • Carla Marina says:

      Oi Roberto! Então, de acordo com a agência que está nos assessorando (GotoLondon), você só precisa do seguro-saúde governamental para conseguir o visto irlandês e uma vez obtido este visto, você consegue circular normalmente pelos outros países da Europa. Nós escolhemos fazer os dois só porque o privado abrange mais coisas, por garantia mesmo, mas não que seja obrigatório, segundo a agência. Abraços e valeu por acessar o nosso blog!

  9. Anderson Coelho Lima says:

    Gostaria de saber se é muito dificil de arrumar emprego em Dublin, e se ha algum suporte para conseguir tal emprego?

    • Carla Marina says:

      Olá Anderson, tudo bem?
      Depende do tipo de emprego, se for os que a maioria dos intercambistas procuram, como garçon, ajudante de cozinha, barista, atendente de loja, etc, há muitas oportunidades e a galera geralmente não demora muito a conseguir. Conheço pessoas que logo no primeiro mês já conseguiu fazer vários bicos e no segundo ou terceiro mês conseguiu algo fixo. Mas empregos na sua área de formação já não são tão fáceis, porque você precisa ter um inglês bom, os trabalhos geralmente são full time (enquanto estudantes só podem trabalhar part time) e você concorre com pessoas especializadas, com experiência. Aqui há alguns órgãos que dão suporte àqueles que estão procurando emprego, oferecendo cursos, permitindo a impressão de currículos gratuitamente, ensinando como escrever um bom CV, etc. O órgão mais conhecido por aqui é o FÁS, vale a pena você dar uma olhada. Os sites mais comuns onde a galera procura emprego por aqui são o http://www.monster.ie/, o http://jobs.ie/, o http://recruitireland.com/, dentre outros.
      Abraços!

  10. Lucas says:

    Olá Carla… blza!?

    Os valores do intercâmbio que vocês disponibilizaram no blog é por pessoa? E a escolha SEDA como é? Vocês gostaram?

    Outra dúvida se for de casal os dois devem ir para estudar? Ou existe visto partner ?

    Valeu!!

    • Carla Marina says:

      Oi Lucas, tudo bom?
      O valor apresentado é por pessoa. A SEDA é uma escola muito básica, possui bons professores mas o método de ensino deixa muito a desejar, pois não é dinâmico e não força o aluno a pegar firme no estudo. Me incomoda a desorganização e o fato de nunca terem questionado os alunos sobre o que eles acham da escola, dos professores etc, visando melhorar. Mas escolhemos ela por ser a mais barata, já sabendo que poderia não ser muito boa, já que a nossa intenção era ficar aqui por bastante tempo e aprender o inglês na marra. Quanto à questão de vir em casal, se um dos dois possui cidadania europeia, não é necessário que nenhum dos dois tenham curso comprado, pois o cidadão europeu não precisa de visto e o acompanhante (se casados), virá como familiar de europeu. Caso contrário, se ambos forem brasileiros, os dois precisam de um curso e não existe visto conjunto. Abraços!

  11. Débora Leite says:

    Carla…olá!! Nossa… estou adorando o site!! Parabéns pela iniciativa!! Há alguns meses estou interessada em ir pra Ilha Esmeralda.. vou fechar com a Wolrdwide, estarei por ai em janeiro de 2013. Mas a ansiedade é grande!! Nossa… lendo tudo o que voces escreveram, sinto que não estou só quando se trata de dúvidas sobre a viagem! Obrigada por partilhar conosco esses momentos únicos que voces estao tendo!! Espero que em breve eu possa ter toda a documentação e estar de malas prontas pra ir também!! bjo

    • Carla Marina says:

      Oi Débora, tudo bom? Obrigada, que bom que está gostando do blog, é muito legal compartilhar nossas experiências, nós também lemos muitos blogs antes d vir! Ainda estaremos aqui no início do ano que vem, então não deixe de entrar em contato quanto chegar para nos conhecermos 😉
      A melhor coisa é se informar bastante mesmo antes de vir, para não se decepcionar quando chegar, então continue lendo blogs e se interando sobre as coisas por aqui, quando chegar não sentirá tanto impacto e aproveitará muito mais! Bjos e boa sorte com tudo!

      • Débora Leite says:

        Oi, Carla… sim, sim, vou continuar lendo os posts de vocês, sim!! Obrigada pela força.. e vamos combinar de nos conhecer quando eu chegar!!! bjooo =)

  12. Jefferson Silva says:

    Oi Carla e Bruno!

    Então parabéns pela iniciativa por monstrar quantoo mais ou menos quanto gasta por fazer uma intercâmbio!
    Eu estou querendo fazer uam viagem para Irlanda mesmo, mas nem tenho a noção em qual Agência de viajem para fazer! Vcs tem alguma dica?! Estou querendo ir somente em 2015, mas o ano que vem estou querendo dar a entrada (começar a pagar), isso é bom ou espera para mais próximo? Eai tem muito brasileiro, ou vc pode conversa com os Irlandeses tranquilo, conseguem entender!

    Obrigado,
    Parabéns

    • Carla Marina says:

      Olá Jefferson, tudo bom? Que bom que estamos ajudando! Então, nós também quisemos planejar com muita antecedência e particularmente acho que isso nos ajudou muito a nos adaptarmos à vida por aqui, mas acho que 1 ano antes da viagem já está bom para começar a se planejar, não mais do que isso. Em relação a começar a pagar, eu não sei, acho que vai mais da sua opção pessoal. Com relação a agências, são muitas as opções, nós, como você já deve ter lido, escolhemos a GotoLondon e não tivemos problemas, mas conhecemos pessoas que vieram sem agência, fizeram tudo por conta própria e deu tudo certo, além de terem economizado. O lado ruim da agência é que você fica na mão dela principalmente quando se trata da residência estudantil, onde você fica nos primeiros dias, pois eles demoram para avisar onde você vai ficar e muitas vezes te colocam num lugar longe da escola, te fazendo gastar com transporte, ou lugare muito ruins. Sugiro que entre nos fóruns de discussão, como o e-Dublin, e comunidades do facebook de brasileiros que estão aqui, como a Brazucas in Dublin e o Classificados Dublin e perguntar para a galera, ou ver as conversas antigas sobre agência, para ter uma idéia sobre a opinião deles em relação às agências. E, quanto a sua última pergunta, sim, tem muitos brasileiros e eles estarão na maioria das escolas que você pensar em estudar, mas depende de você procurar atividades diferentes para conhecer estrangeiros (esporte, cursos, trabalho voluntário, etc). Espero ter ajudado! Abraços!

      • Jefferson Silva says:

        Oi Carlá, tudo bem e com vc?

        Obrigado pelo ajudar, pode ter certeza que irei entrar nessas comunidades, e dá uma olhada!!!

        Obrigado, ah e vou continuar seguindo seu blog, qualquer novidade eu posto aqui. :)

  13. Renata Lopes says:

    Olá, estou com uma dúvida. Esse valor total final, é pra uma pessoa, ou pro casal?

    Obrigada Bjss

  14. Patricia says:

    Olá Carla… Estou com várias dúvidas na verdade. Meu marido anda pesquisando sobre intercâmbios na Irlanda. Esse valor final de intercâmbio inclui tudo mesmo? Passagem? Residência?
    Tudo mesmo por 1 ano??? Então exceto o visto, o pacote de intercâmbio citado inclui turo mesmo por 1 ano???
    *Adorei o blog e a forma como vcs explicam tudo direitinho…
    Bjos

    • Carla Marina says:

      Oi Patricia! Então, a escola geralmente você paga um curso de 6 meses + 6 meses de férias, o que dá um ano, representando o valor que colocamos relacionado à escola. A residência estudantil pagamos para duas semanas, como está destacado no post, por isso naquele valor total, não está considerado a residência para um ano. O restante dos valores são coisas que não precisam ser renovadas, por isso pode-se dizer que o valor descrito abrange pelo menos 1 ano. Só quero ressaltar que os valores apresentados foram o que pagamos naquela época, o euro está mais caro agora e também pode ter havido variação no preço da escola, acomodação, etc., mas pode considerar o valor total para ter uma noção! Que bom que está gostando do blog! Abraços!

  15. Erika Cerqueira says:

    Olá Carla, tudo bem?

    Gostaria de pedir sua ajuda para sanar uma dúvida..vocês conhecem alguem que estuda ou estudou na kavanagh college?
    Estou pensando em estudar lá porém, tenho duvidas sobre a escola. Obrigada:)

  16. Joel Muniz says:

    Muito boa as dicas, não poderia deixar de agradecer!

  17. Dayane says:

    Olá Carla,

    Primeiro, parabéns pelo blog. É incrível!

    Estou na fase de planejamento do meu intercâmbio junto com o meu marido (legal encontrar alguém na mesma situação rs) para setembro/2013. Não vou por agência, resolvi fazer tudo por conta própria e estou quase fechando com a SEDA. Vi num post acima que a escola tem muito a melhorar, mas como já se passaram alguns meses, qual é a sua percepção agora e estou sabendo que eles estão mudando de prédio, o que vc acha disso?

    Mais uma vez parabéns.

    Abraços!

    • Carla Marina says:

      Oi Dayane, tudo bom? Que legal que está gostando do blog, esperamos estar ajudando!

      Com relação à SEDA, assim como em qualquer outra escola, duas contam muito: o professor e a dedicação do aluno. No meu caso, tive alguns professores que não gostei, não tinham tato para serem professores e nem didática. Mas nos últimos meses acabei tendo outros professores bons, o que faz toda a diferença. Por parte do aluno, é preciso ser comprometido, não faltar direto, como muitos fazem, ser interessado e principalmente se esforçar para falar em inglês com os colegas, já que a maioria é brasileiro. Mas outra coisa que é importante e que não gostava da SEDA é o material que eles utilizavam, eles nã se baseavam num livro específico, não tinha uma linha de raciocínio, cada professor dava o que achava interessante. Além disso, todos os dias eram várias folhas de xerox de livros que recebíamos dos professores, formando um bolo gigante de folhas a cada semana, tornando muito difícil de nos organizar para estudar tudo aquilo (acho que isso acontece em outras escolas também, pelo que conversei com outros colegas). Agora eles estão com um livro que parece que vão utilizar como referência, o que acho que vai ajudar. Com relação a eles mudarem de prédio, para mim não vai ter impacto algum, pois já acabei o curso, mas se eu ainda estivesse estudando, ficaria mais longe de onde moro. No entanto, se eles forem mesmo para onde eu ouvi dizer, que é na Parnell St ou redondezas, é uma boa localização, pois é bem no centro, onde tudo acontece.
      O negócio é, não se prenda apenas ao que vai aprender na escola, vá à biblioteca, pegue livros, veja filmes, e aquela coisa toda que sabemos que ajuda no inglês e que muitas vezes não fazemos.
      Abraços e boa sorte!

    • Renato Francisco says:

      Oi Dayane, sou casado também e pretendo seguir o mesmo caminho. Como vocês estão fazendo para fazer direto pela escola? Também to pesquisando bastante, decidiram pela SEDA mesmo? Muito obrigado.

  18. Bruno says:

    Primeiramente quero parabenizar pelo blog, fantástico! Tem muita coisa na internet, mais são raras as coisas que são uteis, como o que vocês fizeram. Estou com muitas duvidas e aquela insegurança que bate na hora de decidir. Vou fazer um intercambio ano que vem, depois de terminar a faculdade, provavelmente agosto ou setembro. Pensava no Canada, mas a burocracia para visto me desanimou. Estou pensando na Irlanda ou a Africa do Sul, mas queria mesmo Dublin. Tenho mais ou menos 12000 para fazer o intercambio sem precisar recorrer a emprestimo, mas se precisar de complementar o valor vou recorrer. E quero 6 meses. A SEDA foi a escola que mais chamou minha atenção pelo preço. Já tinha ouvido falar que a qualidade não é muito boa, mas eu tenho nivel intermadiario, e sou muito centrado, acredito que o estudo extra classe conta mais. Voces acham que os 3 mil do deposito obrigatorio da pra quanto tempo mais ou menos, gastando o minimo possivel? Tipo da pra 6 meses? Ou vi dizer que esta impossivel arrumar trabalho ai, qualquer tipo de bico, por causa da crise, isso é verdade mesmo? Tenho medo de ir e ter que voltar quando o dinheiro acabar, antes do prazo. Gostaria que vocês me orientasem, se possivel, quanto ao real custo com estadia ai. Não quero fechar com agencia por causa do custo, que é mais alto. Abraço e obrigado. Mais uma vez parabens!

    • Carla Marina says:

      Olá Bruno, tudo bom? Obrigada, que bom que está gostando e aproveitando o nosso blog. Como pode ver com mais detalhes em nosso post “Quanto custa fazer intercâmbio na Irlanda“, acreditamos que os 3 mil euros dê para uns 5 meses, para uma pessoa, mas aguarde que vamos fazer uma pesquisa com nossos colegas para ter uma informação mais precisa e fazer um post sobre isso. Quanto a emprego, não tá fácil mesmo, tem que sair entregando currículo em tudo quanto é canto desde o começo, e ainda assim, tem gente que demora pra conseguir. Boa sorte com seu planejamento! Abraços

  19. Natacha says:

    Olá Carla,

    Parabéns pelo blog! Tem me ajudado bastante.

    Conhece as escolas The Engilsh Academy, ECM ou NED? Pretendo fechar com algumas destas. Já vi algumas entrevistas no site Vida na Irlanda, mas gostaria de saber a sua opnião. Indicaria outra escola? Obrigada. Parabéns novamente!

    • Carla Marina says:

      Olá Natacha, tudo bom?
      Desculpe, mas não temos conhecimento sobre as escolas para poder te ajudar, o melhor mesmo é pesquisar em comunidades de brasileiros que moram aqui e ver o que eles têm a dizer.
      Abraços!

  20. Lucas says:

    Olá Carla,

    Queria parabeniza-la pelo site. Achei ótimo!!
    Estou planejando tudo para poder desembarcar em Dublin em Setembro de 2013. Porém estou ouvindo falar sobre pessoas que em toda a estadia delas no país não conseguiram arranjar emprego… saberia me explicar se isso esta realmente ocorrendo e se tem chances de melhorar ainda esse ano.. ou em 2014?
    Abraaços e muito obrigado

    • Carla Marina says:

      Oi Lucas, tudo bom? Obrigada, que bom que está gostando!
      Realmente não está fácil conseguir emprego, algumas pessoas têm sorte (e indicação) e conseguem mais rápido, mas a maioria está tendo dificuldades. Por outro lado, acredito que essa situação vá mudar até o ano que vem, a Irlanda está com vários projetos para a criação de empregos, estou esperançosa de que darão certo. De qualquer forma, não importa quando você vir, o negócio é se envolver ao máximo em atividades que te proporcionem construir uma network, além de ser persistente e entregar CV pessoalmente em todos os lugares possíveis, incluindo agências de recrutamento. Se você é da área de TI, as perspectivas já são outras, este mercado está súper atrativo por aqui. Abraços e boa sorte!

  21. cinthya says:

    Estou procurando alguma agencia que trabalhe com a SEDA College, mas não estou encontrando. Vocês sabem alguma para me indicar?

  22. iara says:

    Esse valor de orçamento e por pessoa, ou para vocês dois?

  23. Lucas Bona says:

    Olá !
    Parabéns pela iniciativa !
    Gostaria de saber qual era o nível do inglês de vocês quando foram para a Irlanda ?
    Estou planejando realizar um intercâmbio com curso de inglês (25 aulas por semana) por 1 mês apenas (férias). Tenho um pouco de dificuldade no ‘listen’ e por isso estou em dúvida sobre o quanto poderei aprimorar neste tempo, pois o investimento seria +ou- uns R$ 10.000,00.

    Obrigado!

    • Carla Marina says:

      Oi Lucas, tudo bom?
      Nosso nível de inglês era intermediário, mas conhecemos vários casos de pessoas que não sabiam quase nada e depois de 6 meses de curso, praticando no trabalho, se esforçando para se integrar com estrangeiros, vendo filme sem legenda, etc, conseguiram avançar bastante, portanto o retorno do seu investimento dependerá muito mais das suas escolhas e esforço, do que do curso de inglês em si. Abs!

  24. Aquino Rêgo says:

    Oi Carla e Bruno!

    Então parabéns pela iniciativa.
    Então, gostaria de saber de vcs, como eu faço para tratar direto com as escola de Dublin. Vi que assim o custo é mais barato.

    Outra duvida minha é se consigo alugar casa aí com facilidade pois estou indo com mais 3 amigas e pretendemos ficar por volta de 3 meses. Pra terminar, qual é o tipo de moradia mais barata para quem quer ficar pro 3 meses

    • Carla Marina says:

      Olá, tudo bom?
      Para comprar o curso direto com a escola, basta entrar no site da escola e ligar diretamente para eles ou mandar um e-mail, mas acho melhor ligar. A maioria delas tem um brasileiro trabalhando, então fica fácil de se comunicar.
      Acho que o mais barato é hostel, ou dividir casa/apartamento com outras pessoas. Difícil vai ser achar um lugar que tenha 3 vagas, talvez seja melhor vocês ficarem num hostel de início e depois tentarem encontrar um lugar para dividir com outras pessoas. Procure nas comunidades do facebook como Classificados Dublin e Brazucas in Dublin para ver se encontra algo, tem bastante coisa por lá.
      Abraços

  25. rodrigo says:

    tenho 20000 reias isso da pra ficar quanto tempo na irlanda
    valew galera

    • Carla Marina says:

      Oi Rodrigo, tudo bom?
      Como colocamos no nosso post, com 3.000,00 euros (pouco menos de 9.000 reais) é possível ficar por volta de 5 meses aqui.
      Abraços

  26. fabian says:

    ola carla gostaria de saber quanto custa passar dois meses na irlanda para estudar e talvez trabalhar se não atrapalhar os estudos.

    • Carla Marina says:

      Oi Fabian, tudo bom?
      Para você ter uma idéia, como colocamos neste post, com 3.000,00 euros você consegue passar cerca de 5 meses aqui. Já o valor do curso para 2 meses, eu não sei, você teria que fazer uma cotação com as escolas.

  27. Alexandre lucas says:

    Bons tempo em que a Seda custava R$1800 hoje a cotação esta em R$4.000, também vou com a Gotolondon, mais vou sem o seguro privado, em que época vocês foram e pagaram R$ 2270,60? Obrigado!

    • Carla Marina says:

      Nossa, está bem mais cara agora! É, a infra-estrutura deles melhorou muito (não sei quanto ao método de ensino). Nós fomos no final de fevereiro de 2012. Abs

  28. Ingrid Daniele Cordeiro says:

    Olá, estou com intenção de ir no final do ano para a irlanda e estou fazendo várias pesquisas , lendo depoimentos, tentando comunicação com pessoas que já foram e encontrei o blog de vcs, e gostaria de saber a experiencia de vcs um pouquinho, sobre escola, lugar, acomodação, se é melhor ir por agencia msm, as dias que puderem dar, vou agradecer muito…desde já agradeço a atenção..abraço

    • Carla Marina says:

      Oi Ingrid, nós fomos pela SEDA, mas que agora está bem diferente do que era, então não posso mais te dizer sobre ela. A agência foi a GotoLondon, não tivemos problemas com ela e a acomodação era muito boa, a GotoLondon na época terceirizou para uma agência chamada EazyDublin. O único ruim é que era meio longe da escola. Aconselho você a olhar no site do e-Dublin e do Santo Irish, lá vai ver rankings e depoimentos de outras pessoas. Abs!

  29. Diego says:

    Ola pessoal, alguém tem uma estimativa de quanto se gasta com acomodação por mês?

    • Carla Marina says:

      Olá Diego, tudo depende do número de pessoas com quem vai dividir a acomodação, acredito que o mais barato de que já ouvi falar é 150,00 euros por mais, podendo chegar a uns 300,00 euros ou um pouco mais. Abs

  30. Ingrid Daniele Cordeiro says:

    Olá
    quando vocês foram, foram por conta própria ou fecharam com agência? estou para ir em outubro e eis a questão, a agência pelo menos tem uma segurança , um auxílio uma ajuda né…
    obrigada

  31. Najla says:

    Olá Carla, gostei muito do blog de vocês. Estou pretendendo ir para a Irlanda sem nenhuma agencia por aqui. Queria saber se vocês tem algumas dicas de escolas e como conseguir moradia. Vocês acham muito arriscado eu ir dessa forma ou vocês aconselham eu ir por alguma agência de intercâmbio?
    Obrigada

    • Carla Marina says:

      Oi Najla, que bom que gosta do blog :)
      Olha, hoje é bem mais comum ver pessoas vindo pra cá sem agência, por conta própria, o importante é que você apresente todas as documentações necessárias na imigração! Com relação a escolas, procure em sites como o e-Dublin e o Santo Irish, além da relação das escolas você vai ver rankings e a opinião da galera. Busque também em grupos do Facebook de brasileiros que moram na Irlanda, como o Brazucas in Dublin. Quanto a moradia, os sites mais utilizados para busca são o Daft, o rent.ie e o Myhome. A comunidade de brasileiros no Facebook “Classificados Dublin” também é boa para encontrar apartamentos para dividir. Abs

  32. Brenda says:

    Olá Carla, estou pretendendo viajar para a Irlanda-Cork em Outubro.. e tenho algumas duvidas, se você puder me ajudar, ficarei muitooo agradecida :)
    Gostaria de saber se eu fizer um curso de inglês de 90 dias o que eu preciso fazer?
    vai ser preciso a comprovação dos 3mil EUROS na migração? com o curso de 90 dias?
    em relação ao seguro saúde, como é e quanto é? tem necessidade? o visto para estudante, onde eu tiro? tem algum custo?
    quais as documentações ? me ajudem com essas duvidas.
    Atenciosamente.
    Brenda

    • Carla Marina says:

      Oi Brenda, tudo bom?
      Se for ficar no país por mais de 3 meses você precisa de visto de estudante, portanto precisará comprovar os 3 mil euros (isso é só aqui no escritório de imigração, não no aeroporto), bem como o seguro saúde privado. Caso vá estudar por até 3 meses e voltar para o Brasil, não precisa do visto, portanto não precisa comprovar o dinheiro, mas precisa da carta da escola, comprovante de onde ficará acomodada e comprovação de que consegue se manter por 3 meses (500,00 por mês). O seguro é necessário caso fique por mais de 3 meses. Se for querer tirar o visto para ficar por mais de 3 meses, precisa ir ao escritório de imigração daqui com alguns documentos em mãos, veja o procedimento neste site: http://www.e-dublin.com.br/e-dublin-tv-primeiros-passos-visto-de-estudante-na-irlanda-com-a-wice/
      Abraços e boa sorte!

  33. Kêysson says:

    Gostaria de saber quanto fica para alugar uma casa, igual vocês alugaram? Gasta quanto por mês de gás, internet e etc.

  34. Leandro says:

    Olá, pessoal!!

    Nota 10 o blog e os videos no YT!

    Pretendo ir para a Irlanda em 2014, mas estou me animando a fechar por conta própria, sem agências.

    Por gentileza, se puderem me ajudar, tenho uma pequena duvida:

    Preciso do seguro privado apenas para fazer conexão em Amsterdã? Posso contratar o seguro apenas qdo ja estiver na Irlanda mesmo? Sei que o seguro governamental é obrigatório.

  35. Kêysson says:

    Gostaria de saber, quanto vocês pagam no apartamento por mês. Cerca de quantos euros? E que pretendo ir para Dublin ano que vem, ficando 2 semanas na residência estudantil e depois quero alugar um apartamento.

  36. Thais says:

    Estou indo para ai ano que vem, venho acompanhando vocês, e estou entre 2 escolas,eu queria saber um pouco mais da SEDA vocês podem me informar ?

    • Carla Marina says:

      Oi Thais, tudo bom? Infelizmente faz muito tempo que estudamos lá e ela mudou muito, está completamente diferente. Sei que está investindo bastante em proporcionar um ambiente agradável aos alunos e atividades diferentes, mas não posso te dizer quanto ao ensino. Entre em fóruns como o do e-Dublin, sites como o Santo Irish (lá tem ranking de escolas com comentários) e comunidades do Facebook de brasileiros na Irlanda para se informar melhor! Abraços!

  37. Adriano says:

    Bom dia,

    Eu e minha esposa estamos planejando morar na Irlanda no próximo ano. Bom, resolvi iniciar a conversa com vocês, pois vi que foram em uma situação bastante parecida com a nossa, pois possuo união estável(+ 3 anos) registrada em cartório com uma cidadã Italiana. Diversas dúvidas surgem em relação a isso e é bastante complicado receber respostas efetivas das embaixadas. Enfim, como entraram no País e como foi a questão do visto para o Bruno? Sabem informar se preciso comprar algum curso ou posso entrar como cônjuge e depois solicitar o visto de permanência? outro ponto é, onde vocês traduziram os documentos para o inglês? enfim, se possível gostaria de receber informações de como proceder para entrar no País sem problemas utilizando a união estável para trabalhar Full Time e sem muita burocracia! Um abração e parabéns pelo excelente e único Blog! Att, Adriano

    • Carla Marina says:

      Olá Adriano, tudo bom?
      Eu entrei com meu passaporte italiano e o Brú entrou como estudante, tinha comprado curso, mas depois ficamos sabendo que não precisava, que ele podia ter entrado comigo e mostrado o comprovante de que somos casados logo na imigração, para depois aplicar para o STAMP 4 já estando aqui na Irlanda. Portanto você não precisa ter um curso, só que ter um curso pode te ajudar na hora de conseguir o STAMP, porque eles pegam muito no pé com o fato de ambos estarem exercendo uma atividade no país, seja estudando ou trabalhando e se você não estiver fazendo nenhum dos dois, pode ser que eles dificultem o processo. Com relação à tradução, ficamos com uma moça chamada Mônica (www.monicastel.com.br), encontramos na internet, gostamos do serviço dela. Abraços!

  38. Anderson Alves says:

    Olá eu me chamo Anderson adoro acompanhar o site de vocês e também os videos, adoro tudo. Estou organizando uma viajem para irlanda quando eu me formar em outubro de 2014, pesquisando várias escolas de inglês, eu tenho gostado da cidade de Limerick eu gostaria de saber sobre ela, eu faço design gráficos e cartoon. toco violão e gosto muito nda irlanda. de repente eu gostaria de morar. mihha irmã mora na alemanha ela vai me ajudar com 400, 0 Euro por mês. vou juntar o dinheiro a partir de janeiro. Abraços bem forte

    • Carla Marina says:

      Oi Anderson, tudo bom?
      Que bom que gosta do nosso blog e canal no youtube! Olha, fomos para Limerick apenas uma vez, de passagem mesmo, ficamos muito pouco, por isso não somos a melhor referência para você sobre a cidade. É melhor tentar encontrar alguém que tenha morado ou more lá, procure nas comunidades de brasileiros na Irlanda, como o e-Dublin, que tem um grupo no google e que é acessado por muitas pessoas, lá é maior a chance de encontrar alguém que possa te ajudar melhor! Abraços e boa sorte!

  39. Gabriel says:

    Olá Bruno/Carla, como vocês estão ? Estou com, MUITA, vontade de ir à Dublin no final do ano que vem (ano em que me formo) e gostaria de saber uma coisa. Vocês sentiram preconceito por parte da população Irlandesa ? Por vocês serem brasileiros, ou até mesmo contra gays ou negros. Vivemos em um País tão diversificado que quando me deparo com outra cultura, levemente me assusto. rs rs
    Muito obrigado e muito sucesso para vocês !

    • Carla Marina says:

      Oi Gabriel, tudo bom?
      Não sentimos nenhum preconceito, o povo aqui é muito receptivo com todos os tipos de pessoas, fique sossegado! Abs e sucesso pra vc tb!

  40. Gilson Viana says:

    O alto custo chega a desanimar. Eu e minha esposa sempre acompanhamos os videos de vocês no youtube. Eu lembro até hoje o dia que encontrei o canal de vocês. Deitado na cama, final de semana, chovendo, e querendo muito estar fazendo a mesma coisa só que em outro pais, (hehehe) foi nessa manhã chuvosa que pelo celular encontrei vocês naquela “mini serie”. 😀 Mas a pergunta é: Durante o tempo em que vocês já estão por ai, é possível recuperar o valor investido na viajem? Um abraço ao casal, e se Deus quiser, em 2016 estarei indo ai juntamente com minha esposa.

    • Carla Marina says:

      Oi Gilson, que legal que nos encontrou e que estamos ajudando!Olha, quanto a recuperar o investimento, depende muito de várias coisas, do tipo de trabalho que você vai conseguir, do estilo de vida que vai levar, do que você pretende fazer aqui (cursos etc), dentre outras variáveis. Boa sorte com sua jornada! Abs!

  41. Carolina Finhana says:

    Voces foram em casal? Dá certo? Tiveram algum problema?

    • Carla Marina says:

      Oi Carolina, sim, somos casados e viemos pra cá juntos. Quando os dois estão com as mesmas intenções e objetivos, um ajuda o outro e tudo parece mais fácil, no fim das contas nosso parceiro se torna a nossa família, temos com quem contar a todo instante! Não tivemos nenhum problema! Abs

  42. Eduardo says:

    Ola, gostaria de saber se é mais facil alugar um ap ou flat ou morar em uma residencia estudantil?? e você sabe mais ou menos quanto fica para passar 3 meses?

    • Carla Marina says:

      Oi Eduardo, tudo bom?
      Ultimamente tem sido bem complicado conseguir lugar para morar, mesmo residência estudantil, pois a demanda está gigantesca e a oferta muito baixa. Acredito que o menos difícil é conseguir dividir casa ou ap com outros estudantes, já que você não precisa comprovar que está trabalhando e que tem dinheiro suficiente para pagar o aluguel, como acontece quando você vai alugar um lugar só pra você. Acesse grupos como “Classificados Dublin” no Facebook, que sempre há pessoas oferecendo vaga. Quanto ao custo para viver aqui por 3 meses, dê uma olhada neste nosso post: http://www.e-dublin.com.br/quanto-custa-viver-na-irlanda/
      Abs!

  43. William says:

    Esse valor já conta com a agência ?

  44. Juliana says:

    Ola, parabens pelo blog.
    Gostaria de saber se cursos de business sao mais baratas do que cursos de ingles ? Estou morando na australia a um ano, ja fiz curso de ingles aqui, so moro com estrangeiro entao meu ingles (eu acredito rs) esta bom, estou fazendo curso de business aqui tambem, porque era uma coisa que eu queria e tambem porque aqui na australia os cursos de business sao muito mais baratos e nao pesam tanto para renovar o visto, por isso o meu foco seria mais no trabalho e juntar grana para morar na franca e focar no estudo da lingua. Voce conhece alguma escola de business barata que possa indicar? ou uma escola de ingles barata?
    Muito obrigada.

    • Carla Marina says:

      Oi Juliana, tudo bom?
      Dessa vez não temos como ajudar, estamos meio por fora com relação a cursos de inglês e de business. A única escola que vem na minha cabeça, que sei que é famosa e que parece ser boa é a IBAT (http://www.ibat.ie/), mas não sei como é o preço.
      Abraços!

  45. Filipe says:

    Ola , eu vou compra um pacode de três messes , e caso eu quera ficar mais três messes estudando eu posso ?

    • Carla Marina says:

      Olá Filipe,
      Não tenho certeza, pois fiz curso de 6 meses, que dá direito a mais 6 meses de férias, portanto te possibilita ficar aqui por um ano. No caso do de 3 meses, não sei como funciona, mas há sempre a possibilidade de renovar o curso! Se informe com a escola/agência de quem você vai comprar! Abs

  46. Richard Ryan says:

    Tenho duvidas a respeito do plano de saúde, a gente faz quando chega na Irlanda ou já tem que ter o plano quando chegar? E em relação ao valor do plano: 30.000 euros, é muito caro, como é feito o pagamento? E se eu for para estudar inglês e trabalhar por um ano e quiser estender o curso, tenho que ter a passagem de volta?
    Tenho duvidas ainda nestes quesitos, por favor me ajude, quero muito ir, agradeço a atenção.

    • Carla Marina says:

      Olá Richard, tudo bom?
      Os 30.000 euros é a cobertura do plano, não o quanto ele custa. Se olhar mais para o final do post tem uma tabela com os preços de tudo que pagamos, o seguro, na época, foi 360 reais. Com relação a extender o curso, mesmo assim precisa ter a passagem de volta.
      Abraços e boa sorte!

  47. Laís says:

    Olá Carla… Sei que esse post já tem um bom tempo mas também estou querendo fazer um intercambio para a Irlanda e pesquisando as empresas, vi que citou a Gotolondon na planilha e me parece que ela tem um dos melhores preços, mas como não conheço ninguem que foi por ela ainda estou um pouco insegura. Gostaria de conversar mais com você a respeito e tirar outras dúvidas, se possível por email.
    Abs

    • Carla Marina says:

      Oi Láis, tudo bom?
      Desculpe, mas não me sentiria confortável em falar sobre a agência tendo usado os serviços dela há mais de dois anos, não tenho noção de como está o serviço deles hoje em dia e se o preço continua sendo o melhor.
      Só posso dizer que na época foram prestativos e não tivemos problemas com eles. Abs!

  48. Marcos R. de A. Oliveira says:

    Simplesmente, incrivel!!! Parabens pelas dicas, iniciativas e esclarecimentos.
    Estou comecando a me programar para um intercambio de (a principio) 6 meses. Estou bastante ansioso e em igual proporcao empolgado com a possibilidade.
    Estou me programando para o inicio de 2014 – isso eh o mais tarde possivel-, penso em estudo e trabalho para manter meus estudos e quem sabe um rolezinho pela Europa no final de tudo…hehe
    Inicialemte um tanto em duvidas entre Dublin e Galway, somente pela questoes de conseguir um trabalho e praticar mais i ingles – dizem que Dublin nao ajuda muito devido ao excesso de brasileiros- voces podem me dar uma dica…
    Obrigado e mais uma vez, parabens pelo blog!!!

    • Carla Marina says:

      Oi Marcos, tudo bom?
      De fato Dublin é cheia de brasileiros, se conseguir encontrar escola de inglês em cidades menos “badaladas”, talvez ajude. Por outro lado, vai muito da sua força de vontade e engajamento para aprender a língua. Independente do lugar pelo qual optar, recomendo procurar fazer atividades extras que lhe permitam ter contato com estrangeiros e praticar a língua, como trabalhos voluntários, esportes, etc.
      Abraços e boa sorte!

  49. Vanessa Vieira says:

    Parabéns a vocês por todas estas informações!
    Pretendo fazer um intercâmbio a partir de Outubro deste ano, o mesmo que fizeram a princípio, sendo 6 meses estudando e mais 6 meses de férias.
    Porém, só conseguirei ficar este tempo, se realmente conseguir arrumar um emprego.
    Tenho visto muitos depoimentos dizendo que não está nada fácil emprego em Dublin, devido a grande demanda.
    O que você teria a me dizer?
    Pela sua experiência neste tempo todo, diria que valeu a pena terem ido pra Irlanda?

    Muito obrigada pela ajuda!

    Beijos

    • Carla Marina says:

      Oi Vanessa, tudo bom?
      A questão de emprego é muito relativa, você vai ouvir pessoas dizendo que está difícil e outras falando o contrário. Sempre surgem vagas de baby sitter, garçonete, ajudante de cozinha, etc., talvez não seja muito difícil se estiver disposta a trabalhar nessas áreas. O mais complicado é emprego na sua área de formação, mas a única coisa que posso dizer é que a área de TI está em alta.
      Estamos gostando muito de viver aqui, pelo ambiente tranquilo, qualidade de vida, pessoas, possibilidade de viajar a Europa, etc. Somos da opinião de que é melhor se arrepender por ter feito do que por não ter feito :)
      Abraços!

  50. vinicius says:

    Gente tudo bem?
    Esses 3000 Euros é só pra ter mesmo né?
    Minha dúvida é… Posso arrumar emprego? Posso ficar por 4 meses?
    Tu podes me dar um site de uma escola, na qual, falaram acima por estes valores?

    • Carla Marina says:

      Olá Vinicius, tudo bom?
      Os 3000 euros são obrigatórios para qualquer brasileiro que vem pra cá e que não possui cidadania européia, para conseguir o seu visto de estudante, precisa comprovar que tem este valor na sua conta. Você pode trabalhar sim, mas durante um período específico. Até agora as regras eram de que estudantes podiam trabalhar por 6 meses, enquanto estudavam outros 6 meses, no entanto isto está para mudar, como você pode ler aqui: http://www.e-dublin.com.br/para-proteger-estudantes-governo-anuncia-novas-regras-a-partir-de-2015/
      Quanto a escola, procure em outros sites mais antenados nisso, como o e-Dublin, já que faz tempo que não pesquisamos sobre o assunto e o valor que apresentamos é muito antigo.
      Abraços!

  51. Luisa says:

    Olá, gostaria de uma opinião sincera. Estou pensando em ir estudar na Irlanda agora no final do ano. Já estou pesquisando umas escolas e preços, que variam muito. Umas mais caras e outras mais baratas.
    Embora tenha uma aparência bem jovial, de uns 15 anos menos (isso faz com que ninguém suspeite que sou mais velha), eu já tenho 44. Sou tradutora de italiano no Brasil. Estou indo para a Irlanda para aperfeiçoar meu inglês. O custo do curso na Irlanda de seis meses vai sair um pouco caro.
    – Você acha que há como ter retorno dessa grana mesmo lavando prato ou sendo baby sister? Um pouco do custo vou ter que pedir emprestado e pretendo pagar quando voltar, por isso pergunto isso.
    – Você acha que por causa da minha idade há maiores possibilidades de não conseguir visto de estudante ou ter problema na imigração quando chegar na Irlanda. Embora eu tenha passado a vida estudando, já fui para os EUA, estudei na Itália tenho que admitir que a idade pode me atrapalhar no caso de eu querer estudar fora. Podem achar que ficarei ilegal.
    – Há estudantes mais velhos que vão pra Irlanda estudarem cursos mais longos de inglês? ou sou caso raro?

    Essa resposta sobre ter problema na imigração por causa da idade é um problema, pois tenho medo de pagar o curso e a passagem e a imigração mandar eu voltar. Se vc me der uma opinião sincera sobre isso eu agradeço. Obrigada

    • Carla Marina says:

      Oi Luisa, tudo bom?
      Olha, a idade aqui não tem problema algum, se isso te preocupa, pode parar de se preocupar! Dá uma olhada nesse link que vai te ajudar a esclarecer sua dúvida: http://www.e-dublin.com.br/passei-dos-30-e-agora-estou-velho-para-o-intercambio/
      Quanto ao custo do intercâmbio, é possível sim recuperar o dinheiro, depende de mais de você, do estilo de vida, etc. O salário mínimo aqui é 8,65 euros, o que dá um pouco mais de 1.000 euros por mês.
      De verdade, se você apresentar toda a documentação como qualquer intercambista (passagem de ida e volta, seguro saúde, carta da escola, etc), a idade não será empecilho nenhum, acredite!
      Abraços e boa sorte!!!

  52. Dayane farias says:

    olá carla!!!! amei o blog…ajuda demais!
    para ficar por um mês o valor que é necessário ter para as despesas são 500,00 euros? E esse valor é fora o curso e passagem é isso? … obrigada !!!!

    • Carla Marina says:

      Oi Dayane, tudo bom?
      Não sei te responder, como compramos o curso para 1 ano, sabemos do valor de 3.000 euros, mas isso a agência ou escola com certeza vão te orientar! E sim, esse era o valor fora o curso e fora a passagem!
      Abraços!

  53. Gustavo says:

    Olá, gostaria de estudar e trabalhar. Alguma dica para quem quer ir trabalhar???

    • Carla Marina says:

      Oi Gustavo! Se for trabalhar como garçon, ajudante de cozinha e afins, seria bom ter uma experiência anterior para ter no CV, então se conseguir essa experiência no Brasil antes de vir, ajudaria bastante! Além disso, foco e perseverança, porque oportunidades existem! Abraços e boa sorte!

  54. Maria Fernanda Galindo says:

    Carla bom dia, estou querendo ir pra Irlanda em um período de 01 ano e gostaria de saber se é fácil conseguir o visto para estudar e trabalhar? Obrigada

  55. Vanessa Leite says:

    Gente, preciso tirar uma dúvida. Estou pensando em fechar com a Egali, mas achei muito alto o preço deles para uma escola mais em conta. Estão me cobrando 7.800,00 com transfer, 2 semanas de acomodação em house da escola e seguroo por 1 ano. Quero saber se vale a pena eu ir por conta para me matricular na seda college, ja q não tive bons requisitos da Erin scool. O meu medo é da escola fechar, como o pessoal da agencia me falaram. Me tirem essa dúvida, pq tenho q ir fechar com eles amanha. Obrigada! Vanessa

    • Carla Marina says:

      Oi Vanessa, espero que tenha conseguido ajuda, infelizmente acho que o nosso blog não é o melhor lugar pra conseguir esse tipo de ajuda, talvez comunidadesno Facebook de brasileiros em Dublin e fóruns onlines como o do e-Dublin sejam mais apropriados.
      Boa sorte!

  56. Gabriela says:

    Olá Casal,
    Podem me tirar uma dúvida?
    Gostaria de saber se após o período do intercambio (o qual gostaria de fazer por período superior a 1 ano), posso ter a oportunidade de conseguir o stamp 4, ou se isso é algo quase inviável!?

    Abraços!

  57. Renan Dutra says:

    Olá, gostei muito do post, porém os valores devem estar defasados para quem for viajar esse ano.
    Gostaria de saber mais ou menos o custo atualizado, tem algo para ajudar? pretendo ir fazer intercambio afim ter fluência tanto na fala como escrita em inglês.

  58. Ruggery says:

    Bom, eu irei fazer intercâmbio em 2017, entrei em contato com a agência e tudo mais e meu curso ficou em 13.567 reais, achei barato porém depois lembrei dos 3.000 euros, e minha agente disse que os 3 mil eram a parte, e com isso meu curso passaria para 23 mil mais ou menos,acham que devo procurar outra agência ou são todos esse preço, mesmo que seja esse preço vou fazer de qualquer jeito, estou louco já.

  59. Juliana says:

    oi Carla. Estou certa de que vou, mas dependendo como for pretendo ficar. Quando termina o período do intercambio existe alguma autorização pra continuar trabalhando? Ou um visto? Ou Qdo acaba o período fico sujeita a ficar ilegal no país?
    Obrigada! Excelente post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *