15 dias na Irlanda

Vendo o Spire pela primeira vez

Vendo o Spire pela primeira vez

Finalmente estamos de volta para relatar nossas experiências, depois de uma fase um tanto quanto conturbada e a ausência de internet. Algumas coisas que aconteceram nós já relatamos por aqui:

A procura pelo apartamento

Andando de ônibus pela primeira vez em Dublin

Andando de ônibus pela primeira vez em Dublin

O que mais fizemos nesses últimos dias foi sem dúvida procurar apartamento, já que sempre estávamos no celular procurando um lugar em sites como o daft, ou ligando e mandando e-mail para os Letting Agents (Corretores) e por fim visitando muitos lugares. A procura foi exaustiva, devemos ter andado no mínimo uns 50 km nesses dias, sempre com o vendo irlandês na cara, o que nos rendeu leves queimaduras de frio no rosto.

Mas esse assunto merece um post a parte, já que muito do que vivemos estava fora de nossas expectativas.

Residência Estudantil

Durante os primeiros 15 dias nosso endereço foi uma casinha em Phibsborough onde tivemos a experiência de conviver com Italianas, Espanholas, um Espanhol e um Francês, que com o tempo viraram nossos amigos. Foi muito bacana poder conhecer o inglês falado por outros europeus, conhecer um pouco da cultura e do dia a dia dos estrangeiros. Também era legal saber que quando chegássemos em casa sempre teria alguém diferente para conversar e compartilhar nossas experiências.

Vale dizer aqui também que tivemos muita sorte de todos serem bacanas e de estarmos abertos para nos aproximar deles, o que tornou a convivência muito mais fácil e prazerosa.

Alimentação: fast-food na veia!

Pois é, com essa correria toda o que mais comemos foi fast-food, o que inclui algumas incursões ao McDonnalds, uma ao Burger King, Abrakebabra, Supermac’s, Four Star Pizza, Starbucks e por ai vai. Pelo menos pude provar um pouco da tão globalizada trash-food americana e posso dizer que quase tudo tem o mesmo gosto que no Brasil, com a diferença de que aqui temos menos opções de lanches, mas uma variedade de genéricos – Bob’s? – muito maior e muito mais saborosa.

Até a Cá se deu bem nessa história, já que o McDonnald’s e alguns outros restaurantes daqui servem um hamburger empanado de legumes em alguns pratos que são 100% vegan, além de wraps vegetarianos! =D

Mas nem tudo foi fast-food, comemos algumas vezes no restaurante indiano, o que nos salvou de alguns momentos de desespero por comida de verdade.

A parte ruim é que o custo de se comer fora é realmente caro para quem ainda não tem uma fonte de renda, então de 5 em 5 euros a grana do mês pode ir embora rapidinho.

Primeiro dia de aula

Na sexta-feira, dia 2 de março tivemos nossos primeiro contato com os estudos por aqui e foi para fazer nosso teste de nível. E para falar a verdade o teste é bem fraquinho, apenas 60 questões de múltipla escolha que vão definir seu destino na escola pelas próximas semanas.

A Cá, como já havia completado o curso de inglês no Brasil e morado fora, ficou no avançado, com a galera que já está para terminar o curso e eu acabei entrando no Intermediário com todo meu vasto conhecimento de inglês de séries de TV, filmes e videogames.

Como faltamos muito, devido à procura pelo apartamento, tivemos poucos dias de aula, mas deu para ter uma noção legal da escola e das aulas, o que vamos abordar em outro post.

Uma coisa curiosa é que Dublin é tão pequena que você encontra pessoas conhecidas pela rua o tempo todo, encontramos os casais que conhecíamos do Brasil apenas caminhando por aí e fomos reconhecidos algumas vezes por causa do blog e dos vídeos.

Enfim, não tivemos muito tempo de passear pela cidade, apesar de estar andando por ela o tempo todo, apenas conseguimos tirar um domingo para visitar o Dublin Zoo com nossos amigos brasileiros Alexis e Juliana.

Aqui algumas fotos dos primeiros dias:

Dublin Bikes

Dublin Bikes

Rio Liffey

Rio Liffey

Dia de Jogo: Irlanda x Itália no Six Nations

Dia de Jogo: Irlanda x Itália no Six Nations

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts relacionados:

7 Responses to : 15 dias na Irlanda

  1. Raul says:

    Que bom que tudo está correndo bem :D
    Já estava sentindo falta de novas postangens kkkk
    Imagino mesmo a dificuldade para encontrar imovel, visto que locais bem centralizados tem seus predios MUITO antigos(principalmente D1 e D3), ai pra achar um bom, com preço bom, é uma loucura! Mas como toda coisa ruim tem seu lado positivo, a crise diminuiu e muito o valor dos alugueis, ai fica mais facil p/ estrangeiros conseguirem bons apês.

    Sucesso p/ vocês.
    Abraços

    • Carla Marina says:

      É, agora estamos mais sossegados no nosso novo cantinho, até que estamos gostando dele! rs
      Valeu por nos acompanhar, sucesso pra você também!
      Abraços!

  2. O primeiro mês é mesmo essa correria, só depois de GNIB em mãos é que a gente sossega um pouco, mas daí vem a procura por trabalho.

  3. Wagner Bordin says:

    VI QUE vcs arrumaram um apzinho, só para os dois. Vou com minha namorada no fim ano. Qual foi a media de valores, por qnto saiu o de vcs?
    Abs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>